...O Senhor Deus tomou o homem e o colocou no Jardim do Éden (no Paraíso!) para o cultivar e guardar. Deu-lhe este preceito: "Podes comer do fruto de todas as árvores do jardim; mas não comas do fruto da árvore do conhecimento do bem e do mal, porque no dia em que dele comeres, morrerás indubitavelmente"...

Ao vivo Ecorádio Oficina Geral & EcoBrasil

Get the Flash Player to see this player.

domingo, 18 de outubro de 2009

Dia Nacional Contra a Baixaria na TV

Vai de retro satanás!!


Dia 18 de outubro - "Dia Nacional Contra a Baixaria na TV"


Tenho diminuído consideravelmente o tempo diante da TV, e tenho visto muitas pessoas fazerem o mesmo. Uns por não aguentar a falta de respeito, de conteúdo e a baixaria e outros por terem descoberto algo melhor pra fazer nas horas vagas. 


O que é mais preocupante é a situação das crianças, que muitas vezes são literalmente colocadas na frente da tv pelos próprios pais como alternativa para se livrar dos pimpolhos inquietos e não se dão ao trabalho de observar o conteúdo dos programas que os filhos estão assistindo e o que é pior: acham até engraçadinho quando a menininha começa a rebolar igualzinho às popozudas e a querer ficar semi-nua ou fica perplexo quando o menino começa a distribuir porrada nos outros depois de assistir a tv globinho.



Sei que tenho falado muito em luxúria e burrice, mas quando o assunto é TV, estamos falando da "fábrica", da aliciadora de mentes para o mal... Digo isso, pois nem a Record, que pertence à Igreja Universal e que "teoricamente" se diz salvadora dos pecadores, conseguiu se livrar da imposição do "mercado" à programação do bacanal, que segundo eles gera mais audiência. Este mesmo "mercado" da porcaria trata o telespectador apenas como "consumidor", e olha que esse adjetivo poderia ser menos pejorativo se pensarmaos que não se consome apenas aquilo que se compra, porém isso cai por terra quando somos na verdade tratados como "amebas". Isso me faz pensar qual será o critério utilizado pelos produtores?! Talvez os resultados do ENEM ou da prova da OAB  sejam  "pontos" de referência para que se criem BBB's, Domingões, Pânicos, Fazendas, Te Vi Na TV etc...





Há qualidade na TV aberta brasileira? Esse questionamento é o tema do Dia Nacional contra a Baixaria na TV deste ano. A campanha “Quem Financia a Baixaria é Contra a Cidadania” é uma iniciativa da Comissão de Direitos Humanos e Minorias (CDHM) da Câmara dos Deputados, em parceria com entidades da sociedade civil, e destina-se a promover o respeito aos direitos humanos e à dignidade do cidadão nos programas de televisão. A campanha nasceu em 2002, resultado das deliberações da VII Conferência Nacional de Direitos Humanos, maior evento anual do setor no país.

Saiba mais: 









As Crianças brasileiras passam quase cicno horas por dia em frente à  TV, tempo que poderiam estar lendo, brincando, aprendendo e desenvolvendo sua criatividade...


Conheça:


O Desligue a TV é uma campanha para conscientizar a opinião pública sobre os males do excesso de televisão no cotidiano. Sua proposta não é banir o meio de comunicação por completo, mas discutir o seu uso e colaborar com a divulgação e criação de atividades alternativas.Acesse: www.desligueatv.org.br


Assista:


* Canais










*Programas













 



















Assim como as rádios comunitárias também existem as tvs comunitárias que dão acesso à comunicação e liberdade de expressão para as comunidades.

Saiba mais:







Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sociable