...O Senhor Deus tomou o homem e o colocou no Jardim do Éden (no Paraíso!) para o cultivar e guardar. Deu-lhe este preceito: "Podes comer do fruto de todas as árvores do jardim; mas não comas do fruto da árvore do conhecimento do bem e do mal, porque no dia em que dele comeres, morrerás indubitavelmente"...

Ao vivo Ecorádio Oficina Geral & EcoBrasil

Get the Flash Player to see this player.

domingo, 15 de novembro de 2009

Kiss, os mestres de volta

Tem Rock no Édem sim senhor!!




Por: Fernando Rios, jornalista, músico e produtor cultural


Depois de onze anos sem lançar um disco de estúdio o Kiss retorna da hibernação com Sonic Boom, lançado pela Roadrunner records, este álbum trás a banda de Gene Simons e Paul Stanley fazendo aquilo que de melhor eles sabem, Hard Rock de primeira categoria.



            Se a banda não conta mais com sua formação clássica, Ace Frehley na guitarra solo e Peter Criss na Bateria, as máscaras e as referencias sonoras ao Kiss dos anos 70, continuam, Thommy Thayner parece não somente adotar a fantasia de Homem Espacial, mas também o estilo Ace Frehley de tocar guitarra, enquanto que o baterista Eric Singer, que já participou de outras formações da banda, mantém um estilo mais pesado, mas que não trás mudanças radicais ao som do grupo. Eric surpreende a todos na faixa “All for the glory”, cantada pelo baterista, que por sinal se mostrou um excelente vocalista.



            Sonic Boom é um disco que embora esteja sendo lançado em 2009, pode facilmente ser confundido com um álbum dos anos 1970, mostra uma sonoridade crua e direta, mas com a marca registrada da banda, canções com muita melodia, daquelas que não saem da cabeça dos ouvintes, como em “Stand” e “Never Enough”, que mostra também que Paul Stanley continua cantando muito. A primeira música de trabalho do álbum é “Say yeah”, uma canção que mostra tudo que o Kiss sempre teve, belas melodias, um grande trabalho de harmonia vocal e um refrão pegajoso, que você escuta uma vez e já sai cantando. Outro fato relevante é que não se vê orquestras, corais e sintetizadores, são apenas os quatro músicos da banda tocando seu Rock.
            O novo lançamento do Kiss pode não trazer nada de novo ao Rock, mas se destaca como um dos principais lançamentos fonográficos de 2009. Sonic Boom é uma aula de Rock no meio de modismos e Emos em geral.




          
Álbum: Sonic Boom
Banda: Kiss
Gravadora: Roadrunner
Ano: 2009
11 Faixas – 43’17”

Músicas:

1.         "Modern Day Delilah"
2.         "Russian Roulette"
3.         "Never Enough" 
4.         "Yes I Know (Nobody's Perfect)"
5.         "Stand"
6.         "Hot and Cold"
7.         "All For the Glory"
8.         "Danger Us" 
9.         "I'm an Animal"
10.       "When Lightning Strikes"  
11.       "Say Yeah"

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sociable